CICLO DE DEBATES: ENTRE AMIGOS É POSSÍVEL ... PORTUGAL


Depois do nosso pedido de socorro, muitas coisas lindas aconteceram. Hoje vamos lembrar de dois Portugueses que fizeram a diferença e mudaram um pouquinho a nossa vida.

Uma delas é uma mulher que aprendemos a respeitar, pela ternura e pela sensibilidade. Mesmo com a vida corrida, em meio a tantos afazeres e aos seus estudos, essa portuguesa, senhora do mundo, lançou parte do seu tempo e foi buscar, na fotografia, uma forma de amizade e de cidadania mundial. Nossa amiga Ana

Mondego/Coimbra - Portugal.
Fotógrafa/Ana Ruas

O outro é um amigo muito querido de um novo amigo nosso, é outro português a quem agradecemos. Sérgio Aires, um fotógrafo amador (diz ele...) que de coração aberto e câmera em punho, nos cedeu gratuitamente sua coleção de fotografias, intituladas “Terra de ninguém“ Beja – Cidade do Sul de Portugal, região do Alentejo. Eis que começava a ganhar forma a “I Mostra Fotográfica: Ciganos entre amigos”.
Portugal 2012
"Terra de Ninguém"
Fotógrafo/Sérgio Aires

E o nome dessa mostra não poderia ser mais acertada, pois foram eles que construíram conosco, um começo, donde antes não havia estrada.
Assim começa o nosso almoço de agradecimento ... por partes, outros amigos estão chegando.

Os aspargos reais (ao alcance de qualquer mortal) e as cebolas e pimentões do prato principal. 

 Pra começar, voce vai precisar de manteiga de sálvia - 2 colheres de sopa em uma frigideira aberta, nada de água, apenas fogo baixo e só.

 os aspargos antes
aspargos prontos.

Agora vamos as cebolas. Descasque-as e coloque-as numa panela com água, um fio de azeite,  colher de sopa de sal, 1 dente de alho amassado e duas colheres de sopa de mel. Coloque ainda cravos no centro das cebolas e deixe cozinhar por 30'. Aqui também colocamos rosas vermelhas secas (comestíveis).

30 minutos depois ... prontas

  
e vamos adiantar o nosso lado. Corte 1 pimentão de cada cor. Verde, vermelho e amarlo. Reserve


E tudo isso, sobre os olhos de Sara. Pintura de Cezarina Macedo.

e o almoço continua ... 

Abençoados os olhos que enxergam.
Cozinha dos Vurdóns








Comentários

  1. "A união faz a força" - diz o ditado. Se todos derem um pouco de si e do seu tempo em prol dos outros, o mundo será mais justo, mais igualitário.
    As fotografias estão muito boas. Gostei.
    Apenas aqueles que arriscam, que lutam, que semeiam, colhem. Sentem o sabor da vitória.
    E, entre amigos é possível... sonhar e vencer!!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E é isso que tem nos sustentado, tenha certeza disso.

      bjs muitos de todas nós

      Excluir
  2. Belas as fotos e muito linda a pintura.
    Beijinhos para todas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Isabel,

      boa semana e muitos bjs

      Excluir
  3. Sastipê!Deliciosos aspargos!Adorei o sabor inusitado das pétalas de rosas vermelhas(influência da Pérsia na comida cigana?)...Cebolas com cravos?Gosto do que em seu sabor exótico me recorda o Oriente misterioso!Confesso que a surpresa de ver uma pintura minha nesta Cozinha famosa,me fez bater mais forte o coração...Que honra compartilhar com tão diligentes cozinheiras e tão sábias romis minha singela e despretenciosa arte...Que Sara as abençôe e que Dhiel lhes traga muita sorte e alegria em sua estrada!Um forte abraço e beijos no coração!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A tela é linda, eu lhe disse que roubaria. Sim,são influências da Pérsia e da Índia.

      bjs muitos

      Excluir
  4. Queridas amigas,

    Obrigada por esta surpresa e por terem gostado do meu amadorismo. Gostei muito de visitar as pessoas fotografadas. Trouxe delas carinho e confesso que me fez impressão estar a invadir as suas vidas.
    Agradeço também esta refeição real.
    Beijinhos mil! :)))))))))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como disse a R, as fotos servem até como prova advocatícia, essa realidade do medo, deve ser contada e graças a mulheres fortes como você, ela será.

      bjs muitos

      Excluir
  5. Quando houver muitos ciganos e ciganas como vocês, tudo irá mais fácil e mais depressa, a integração autêntica será uma realidade sem retorno.
    Oxalá isso não demore já muitoa acontecer.
    As fotos são magníficas, beijinhos grandes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós já ficamos na terceira e na quarta geração, a maioria de nós.
      Quardamos valores inerentes aos seres humanos, se não fossem ciganos, quem seriam? é isso que nos preocupa. O preconceito tem braços largos, dentro e fora das comunidades.

      oxalá aconteça, com amigos como voc~es

      bjs muitos

      Excluir
  6. Homenagem bonita e merecida!
    O mundo tem de andar em frente, como dizia o poeta: o mundo vai avançando...devagar, por vezes aos pulos, não é? Mas, sempre, "o mundo pula e avança/como bola colorida /entre as mãos de uma criança".
    Em frente com a coragem que têm ajudando os outros a perceber o vosso (porque nosso também, não é?) mundo!
    Grande abraço
    a cozinha como sempre é óptima!
    Beijos do falcão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que deus a scute e qe o poeta tenha razão, que nos apareça uma criança aos pulos, com a bola na mão e ensine ao mundo que o preconceito é sem dúvida alguma, a pior doença.

      bjs muitos e sempre,
      falcão semeador

      bjs

      Excluir
  7. É sempre comovente e motivo de alegria testemunhar a solidariedade entre (des)conhecidos. Assim mesmo: sem fronteiras, sem preconceitos, desinteressadamente e em prol do bem comum. Bem hajam pela partilha e bem hajam todos os que partilham da vossa causa.

    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ben hajam querida,
      que realmente possa ser, amigos já temos, só nos resta realizar.

      bjs e obrigada

      Excluir
  8. Queridas amigas,
    Agradeço o reconhecimento e agradecimento. Espero que a minha pequena e modesta contribuição seja apreciada de acordo com o seu principal objectivo: a defesa dos mais básicos direitos humanos deste Povo. E, já sabem, agora que ganharam um novo amigo do lado de cá do Oceano, não se esqueçam dele! Fico à disposição para tudo o que for preciso, ok?
    Abraço amigo,
    Sérgio Aires

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso Sérgio, quanto mais remechemos, mais nos damos conta do tamanho do desrespeito, da falta básica, acentuada ainda mais por serem ciganos.
      Sem dúvida ganhamos mais um amigo e que essa amizade não encontre barreira na distancia, mas encontre verdade nas fotografias.

      bjs nossos, de todas as cozinheiras dos vurdóns

      Excluir
  9. As fotos são lindas.
    Parabéns à fotógrafa Ana, eheheh.
    A pintura da D. Cezarina Macedo está lindíssima.
    Quanto à comida, bem, devo gostar pois é legumes. A manteiga de sálvia é que não sei o que é, mas deve ser bom.
    7 beijos brilhantes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu anjo, aqui só dá artista rsrsrsrs e dos bons

      A manteiga de sálvia é feita desses dois ingredientes, em banho maria. Pra legumes é deliciosa.

      bjs muitos

      Excluir
  10. lindas as cores da manteiga e dos aspargos! (desculpa estar sumido, mas a correria não tem permitido aparecer mais vezes)

    beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anjo não some, apenas se paira de forma mais demorada por algum tempo.
      O importante é podrmos sempe saber que tem um blog como o seu no ar.

      bjs das corridas daqui.

      Excluir

Postar um comentário

Sejam todos bem vindos.

Postagens mais visitadas