ESTATUTO DOS POVOS CIGANOS (NO BRASIL E NO MUNDO)



ESTATUTO DOS POVOS CIGANOS





No mês em que se lembra das vítimas do Holocausto, resolvemos fazer uma listinha horrível, mas necessária de algumas coisas que estão acontecendo no Brasil e no mundo. RROMAFOBIA.

Quando se luta contra o preconceito, se faz isso todos os dias. Quando estamos de férias, quando temos problemas pessoais, quando estamos cansados e por aí vai. Essa luta permanece em nós da mesma forma que escovamos os dentes pela manhã, porque ela diz respeito ao que queremos para nós mesmos e como queremos viver e em que país ou lugar queremos estar. Somos cidadãos do mundo e isso é fato.

 FOTO: AMSK/Brasil

Antes de mais nada, devemos compreender que o Holocausto/Porrajmos só foi possível pela omissão dos países, nada disso precisa ter acontecido, se plantássemos flores no jardim dos nossos amigos e no nosso, mas não, essa porcaria de superioridade infeliz contagia e contamina, nações, governante. Pessoas em fim. Sempre será uma vergonha, uma mancha para a humanidade, mas antes que ela comece e ou volte a acontecer de novo, vamos lá, lutaremos contra, sempre.

Pra quem acha que no Brasil é bonitinho ser cigano, chamar a atenção, desfilar de cartomante chique ou fazer tipo, está muito enganado. Vamos esperar os lançamentos oficiais do governo, feitos por quem realmente irá fazê-los acontecer e por quem realmente faz mais do que reuniões e discursos bonitinhos.
 Foto: Profº Flávio José.

Não tem diferença, o processo se alastra por todo o mundo e não podemos ficar calados, aceitando reportagens erradas, discursos vazios, maldição digital (lembrei de vc Cláudio), firulas e egos. O movimento no Brasil, vai se consolidando e avançando e chegará sim aos padrões internacionais, pois a luta pertence ao mundo e não a cancela de nossas próprias casas.

A luta contra a Rromafobia, começa dentro de nossas casas, dentro de nós mesmos e avança, até alcançar as práticas públicas, as estradas, a saúde, a escola e daí por diante.



O Estatuto dos Povos Ciganos é fato e não palco de comentários ignorantes e notícias atravessadas, para que ele aconteça, o Senado, através do Senador Paulo Pain, aceitou nosso pedido público de que essa coleta de informação fosse feita por estado, respeitando todas as etnias e seus problemas pontuais. Esse pensamento nunca foi sempre nosso, esse pensamento e essa convicção foi dita pela cigana kalin Maura Piemonte na plenária do Rio em 2012, pelo Sr. Alexandro Castilho, em reunião com órgãos governamentais, de muitas outras organizações e pessoas, esse pensamento reflete a opinião de pessoas que vem lutando a sério e não que disputam egos do EU QUE FIZ. É hora de começar a pensar e que cada comunidade fique atenta a essas reuniões, para que possamos divulgar de maneira integral e todos. A de se pensar em educação (por Cláudio Iovanovitch, por AMSK/Brasil, a exemplo da Escola de Itumbiara), a de se pensar em cultura (Ruiter, Carlos Calon e outros), a de se pensar no futuro que leve a união de todas as etnias romani nesse país. Não interessa se você é Calon, Rom ou Sinti, importa que todos precisam ser vistos como pessoas e terem seus direitos respeitados e cumprirem com suas obrigações. Essa não é uma luta de uma pessoa ou de uma organização, essa é uma luta de todo cidadão e cidadã brasileiro de etnia romani ou não, por isso a ação afirmativa: BRASIL ROMANI EU SOU. 



O Estatuto tem a dinâmica de definir mais claramente e nominalmente as necessidades e as leis que protegem essa etnia. Com ele os direitos serão amplamente discutidos e normatizados, ajudando e muito o dia a dia das pessoas, melhorando o futuro de agora e o futuro de gerações. Um estatuto não se faz com achismos, balanços de saia, informações erradas e egocentrismos. Precisamos de dados, ações concretas, sociedade civil, governo e ciganos, todos.

Dar as mãos é o caminho, conversar é a solução e começar a pensar que o imediatismo não trás resultados, trás atrasos.







HUNGRIA:

Un escandalo ha estallado en Hungría desoués de que el fundador de Fidesz, el partido del Primer Ministro Viktor Orban, a hecho una llamada para “exterminar a los animales Rroma (gitanos), provocando una reacción de condena, no solamente desde la oposición sino también desde el partido en el poder. https://baxtalo.wordpress.com/2013/01/09/hungria-una-persona-proxima-al-gobierno-hace-una-llamada-al-exterminio-de-los-animales-rroma/



BRASIL – JUIZ DE FORA


POVO ROMANI : DIGA NÃO A "OPERAÇÃO ROMANI"

EU TAMBÉM SOU CIGANO

EU TAMBÉM SOU ROMANI



GRÉCIA:


70 individuos atacaron un barrio gitano incendiando seis viviendas y cuatro vehículos. Ocurrió en Etolinkon (Grecia). La propia policía ha confirmado que  unos 70 habitantes de este pueblo, muchos de ellos encapuchados, atacaron un barrio habitado por gitanos, donde incendiaron seis viviendas y cuatro vehículos. Se desconoce si hubo heridos aunque en este caso se pudieron evitar porque las familias gitanas que habitaban el barrio huyeron despavoridas cuando vieron acercarse a la multitud de agresores armados y encapuchados.




El degüello sucedió en Žihárec, Eslovaquia, el 1 de enero de 2013. El país se ha sentido sacudido cuando ha conocido el brutal asesinato de Daniel Horváth, miembro del Partido Unión Romani, un hombre joven de 37 años, gitano, que fue decapitado en vida, según se ha anunciado tras la autopsia judicial. El asesinato tuvo lugar hace una semana y el cuerpo decapitado fue encontrado varios días después cerca de la aldea de Šoporňa.



BRASIL - BAHIA


Quando o oprimido vira opressor: Racismo, preconceito e violência em Santo Amaro, Bahia.

 

ITÁLIA


Rogo al campo rom, diciotto arresti. Volevano cacciare i bimbi dalla scuola


http://www.lastampa.it/2012/07/10/italia/cronache/rogo-al-campo-rom-diciotto-arresti-volevano-cacciare-i-bimbi-dalla-scuola-FF5Vb168XDuqj0hnRMgVaO/pagina.html

 

PORTUGAL

 
O Centro de Estudos Ciganos vem por este meio mostrar o seu desagrado e repúdio pela situação denunciada pelo Jornal Crime relativo ao
FAX xenófobo que a PSP de Almada enviou a escolas para identificar alunos ciganos com cadastro.
Sem querer generalizar, porque acreditamos que existem excelentes profissionais ao serviço desta entidade (PSP), lamentamos esta inconstitucionalidade cometida pela PSP de Almada, que em vez de dar exemplo, fomenta a discriminação racial e traz à tona o tempo da PIDE.
Assim, porque já não acreditamos nos mecanismos democráticos ao serviço do nosso país que têm responsabilidade de punir esta situação, porque como se costuma dizer "fica tudo em águas de bacalhau", decidimos recorrer com uma queixa para o Centro Europeu dos Direitos dos Ciganos (European Roma Right Centre) Só a nível europeu temos esperanças que esta situação possa ser punida. A ERRC há um ano conseguiu junto do Comité Europeu dos Direitos Sociais que Portugal fosse multado por não garantir à comunidade cigana residente no país condições de habitação adequada, violando o direito da protecção contra a pobreza e exclusão social.
BG

 ROMÊNIA

 Grupo extremista quer pagar a ciganas romenas para serem esterilizadas.

O grupo acusa a comunidade cigana de ser um "fardo para a sociedade romena" e ofereceu-se para pagar a esterilização de mulheres da etnia cigana.

 http://holocausto-doc.blogspot.com.br/2013/01/grupo-extrema-direita-quer-pagar-ciganas-romenas-para-serem-esterilizadas.html

PORTUGAL (Relato do Bruno Gonçalves)

Vergonhoso!

Comunicado do SOS Racismo

Casa do Benfica de Elvas não serve ciganos no seu estabelecimento.

O Flávio André Gama Cardoso, no dia 16 de Dezembro de 2012 foi acompanhado de sua namorada Natacha Ben-Diab (Miss Casa do Benfica e Miss Casa do Benfica Alentejo) e algumas amigas como habitualmente faziam á Casa do Benfica de Elvas, pediu um café ao funcionário do bar que não lhe deu atenção nenhuma, voltou a pedir novamente um café e o funcionário Pedro Patinhas repentinamente disse:"Não te posso servir". Perguntou as razões de tal impedimento, pois das outras vezes que lá foi, sempre o serviram e nunca lá teve nenhum problema, até já lá esteve em jantares com grupos de amigos. O funcionário alegou que não o serviria pelo facto de não ser sócio, o Flávio disse que tinha conhecimento de pessoas amigas que lá estavam e que estavam a ser servidos sem serem sócios...
Face ao argumento do Flávio, o funcionário resolveu chamar o Manuel Claudino (Presidente da casa do Benfica) que não apareceu. Depois dirigiu-se a outro funcionário de nome Daniel que recusou igualmente servir o Flávio alegando ele não ser sócio, o Flávio voltou a dizer que estavam outras pessoas no estabelecimento na sua mesa a consumirem sem serem sócios...
Por fim o Daniel disse directamente ao Fábio porque o não servia, á frente de todos os presentes, tu és cigano e por isso não te servimos...
Depois de tal afirmação, disse ao funcionário que iria chamar a polícia e formular uma queixa, o funcionário mentindo, disse que era cigano também, uma enorme mentira pois o Fábio andou com sua filha na escola e sabe bem que ele não é. Chamou a polícia e fez queixa...
O Fábio é um cidadão conhecido pela sua educação, respeitado na escola e na cidade...

O SOS irá apresentar uma queixa junto da Comissão Nacional Para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial, espera que a Casa do Benfica seja responsabilizada pelos seus actos racistas contra o Flávio, pois as alegações de admissão de sócios é legítima quando funciona para todos e não só para o Flávio que frequentava a Casa até que o identificaram como português cigano.
Mais uma vez Portugal mostra que está longe de ser um país de brando costumes e tolerante como quer que se apregoe além fronteiras...

 cozinha dos vurdóns

Comentários

  1. Entristeceram-me estas notícias. Apesar dos esforços envidados vejo que ainda há muito para fazer.
    Queridas Amigas desejo que os vossos apelos sejam ouvidos.
    Por aqui sempre que posso lembro os direitos do povo Rom.
    Ainda não fiz nada de concreto a não ser apelar e educar para a cidadania e igualdade de direitos.
    Beijinhos. :))))))))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Educar é o caminho Ana, sempre foi e sempre será. Há de chegar a hora certa. bjs nossos

      Excluir
  2. Eu tenho varias fotos de Tangará no RN ,feitas no trabalho iniciado em 2007 com o objetivo de fazer um mapeamento social dos ciganos no Estado para garantir educação para as crianças e adultos ciganos, as fotos foram solicitadas pelos mesmos para denunciar a luta para manter as tradições e o abandono em que se encontram. Gostaria de publicar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Isso é muito bom, trazer o registro de forma séria, a fim de dar visibilidade e cidadania. Nos mande um e-mail, pois podemos ajudar sim.
      hpdmayle@gmail.com

      no mais seja bem vinda, poesia e comida sempre andaram de mãos dadas, pegue um banquinho e vamos lá.

      bjs nossos

      Excluir
  3. Oi gente

    Sempre pensei que esta luta é de todos nós, de toda a sociedade brasileira, pois uma sociedade sadia e justa não beneficia somente os injustiçados, beneficia a todos que são parte dela.

    Desejo a vocês cada vez mais força e determinação que resultará em diminuir a distancia entre si que o preconceito criou e perpetuou, quando os obrigou a migrarem para diferentes territórios. A caminhada já está em curso, mesmo que as dificuldades sejam imensas, mesmo que as atrocidades ainda existam, tudo o que se fizer hoje refletirá no amanhã, o esforço na subida de um degrau é também a possibilidade de se ver mais do alto no próximo degrau. Luz e força na subida!

    Obrigada por tanto carinho ontem. Obrigada por existirem, por me ensinarem tanto, já pensaram que nas escritas retas em linhas tortas de Deus, muitos precisam aprender e muitos são mestres a partir da própria dor? Primeiro de si mesmos, depois dos que estão perto. Que não seja esta uma ideia de conformismo ou martírio, mas de aproveitar a nossa vida com o que de bom ou ruim ela possui, fazer dela algo útil ao homem. Os Rromá quando determinados a buscar o justo tem ensinado muito.

    Beijos gratos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O nosso carinho tem um motivo de ser, sabe disso.
      A vida é feita de andanças e é só com elas que conseguimos avançar.
      Andar e tentar construir um caminho, de forma real, mesmo que difícil as coisas precisam avançar.

      um beijo carinhoso de todas nós.

      Excluir
  4. Incrível e indesculpável! Mas pelo menos o director da escola portou-se bem e recusou dar essas informações.
    Devagar, devagar...
    "Dar as mãos é o caminho, conversar é a solução e começar a pensar que o imediatismo não trás resultados, trás atrasos."
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hoje o Bruno nos enviou um fato assim em que o clube Benfica, não serve ciganos, é proibido servi-los. O pior amiga é que foi exatamente assim que tudo começou.

      bjs nossos, tristes

      Excluir
    2. Já a atitude do dono do Restaurante Benfica de Elvas não tem classificação, nem desculpa, é simplesmente uma vergonha! Tenho pena ainda mais dessa triste figura porque sou alentejana! Mas..de Portalegre, a 50 kms de Elvas!
      Beijos queridas amigas e indignemo-nos sempre com tudo o que "diminui" o humano!

      Excluir
    3. Não desanimar, nunca! O passo a dar é aquele mesmo á frente do pé! beijos

      Excluir
  5. EU TAMBÉM SOU CIGANA
    Avante sempre!
    Um monte de beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jamais duvidei disso.

      bjs meus

      jamais duvidamos,

      bjs nossos

      Excluir
  6. Tenho boas e menos boas experiências no contacto com ciganos.
    Mas acredito numa coisa: somos todos iguais e todos deveriamos à partida ter as mesmas oportunidades.
    Beijinhos amigos para todas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas esperamos Isabel, que não tenha tido nenhuma experiência da qual se justificasse tamanha violência. Uma coisa é não gostar, outra coisa é eliminar porque não gosta. E sim, todos somos iguais, afinal, quem ainda não protagonizou alguma cena de intolerância? Oportunidade realmente é uma palavra chave nas questões ciganas, no mundo.

      beijos nossos

      Excluir
    2. Nada justifica a violência seja de quem for e contra quem quer que seja.
      Sou contra qualquer tipo de violência!

      Beijinhos amigos

      Excluir
    3. Sou brasileiro. Nada justifica destratarmos alguém simplesmente pela raça ou etnia. Isso é vergonhoso.

      Excluir
    4. Não existe justificativa para rejeitarmos o convívio com qualquer pessoa simplesmente pela etnia ou raça. Essas atitudes são uma vergonha para quem se diz humano.

      Excluir
    5. São uma vergonha mesmo, mas, infelizmente existe e ainda de forma avaçaladora. Creia. Por isso precisamos lutar todos os dias, juntos, por um mundo, um Brasil melhor.

      abraços dos cazinheiras

      Excluir
  7. Eu não sou cigana e eu amo o povo cigano, suas raízes culturais, sua música, e acredito que a igualdade racial deve ser para todos, e não de uma forma fracionada, como vejo acontecendo em alguns lugares do mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beijos querida e que bom te ver por aqi. A igualdade e o respeito são sempre boas estradas a se seguir.

      bjs nossos

      Excluir

Postar um comentário

Sejam todos bem vindos.

Postagens mais visitadas