quarta-feira, 13 de novembro de 2013

ARROZ DE BORRA COM FILÉ DE LOMBO NA COZINHA DOS VURDÓNS



ARROZ DE BORRA COM FILÉ DE LOMBO


Arroz de borra é assim, terminou de fazer a carne, refogue o arroz na borra que ficou na panela...sucesso na certa, com gosto de casa e cheiro de carinho. 


Para o arroz:



*separe duas xícaras de arroz já pronto,

*aspargos frescos cortados,

*tomates cerejas,

*Ervas frescas picadas – umas 3 colheres de sopa,

*1 colher [sopa] de azeite,

*Sal a gosto e pimenta também.



Para a carne:



*6/8 files grossos de lombo de porco ou da picanha do porco,

*2 colheres de sopa de azeite,

*2 cebolas médias em rodelas,

*sumo de 1 limão,

*salsinha e cebolinha,

*pasta de alho (mais alho que sal) – 1 colher [sobremesa] de sal, amassada e misturado com 6 cabeças de alho bem esmagadas.

*misture tudo, tampe e deixe de molho por 3 horas na geladeira.


Aqueça uma frigideira [a minha é de ferro] e coloque a carne misturada e o caldo que se formou dela. Fogo baixo e pingos de água serão necessários para que os bifes cozinhem e depois acabem fritando. As cebolas praticamente desmancham. Isso demora uns 30’. Retire os files e reserve. 

 gotas de mel são opcionais - nós colocamos aqui.


Na mesma frigideira, jogue o azeite, as ervas, os aspargos e um pouquinho de água, tampe a panela e quando a água evaporar, coloque o arroz, o sal e a pimentinha [a melhor é do reino/moída na hora, ou pimenta branca em pó]. Siga mexendo, coloque o arroz e ponha mais um pouquinho de água, apenas para que a borra se solte e junte ao arroz. Acrescente o tomate, mexa e tampe a panela. Desligue o fogo e pode levar a mesa, pois já está pronto pra servir.

Pronto, agora é puxar o banquinho falar da vida ... afinal de contas, tudo por aqui acontece na cozinha.

Cozinha dos Vurdóns




7 comentários:

  1. Afinal não é só na minha cozinha! Eu segui o vosso exemplo com os amigos Ratinho e Ouricinho: comida e conversa. Todas as horas são boas e o melhor mesmo é não ter horário!
    Aqui vão sete Beijões
    Amanhã faço os files porque tenho cá um lombinho de porco à espera. Vou tentar fazer o arroz de borra também!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Funciona não é; parece que tudo pode ser resolvido, tudo se alinha de um jeito novo a cada dia.
      Não podemos esquecer que eles são especiais ... cheios de fãs, cheios de graça e de vida que se renova.

      bjs de todas nós e bom almoço, torcemos para dar certo.

      Excluir
  2. A borra! Pois é!
    Nunca uma borra é igual a outra! E isso é que faz da borra uma poesia ... arroz de poesia!
    Amei e mandando beijos, pois cheguei para puxar o meu banquinho!
    Ahhhhh ... outra poesia; gotas de mel!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A borra e a raspa ... qual delas vc quer???
      Pode puxar, a cozinha é nossa.

      bjs

      Excluir
    2. Quero todas as borras e raspas ... elas contém um universo de sabores!

      Excluir

Sejam todos bem vindos.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

SOU CIGANO - Bruno Gonçalves